6 razões pelas quais o seu conteúdo não está atraindo atenção dos seus clientes

Talvez o seu objetivo seja criar mais interação na web para aumentar a exposição da sua marca. Talvez você esteja querendo criar autoridade. Talvez você esteja apenas em busca de leads. Não importa. No fundo, no fundo, todo mundo quer que seu conteúdo gere mais referência direta e mais tráfego orgânico. No fundo, no fundo, todo mundo quer se conectar e ser visto na internet. E vamos ser sinceros e objetivos aqui: gerar conteúdo leva tempo e dinheiro, logo, o retorno do seu investimento é sim uma questão!

Não existe nada mais frustrante do que se dedicar à produção de conteúdo, mas ninguém comentar ou sequer compartilhar seu post, seu vídeo, seu infográfico. Isso certamente indica que algo não vai bem… então, está na hora de começar a parar de perder tempo e dinheiro fazendo algo que não está trazendo resultados. Ou seja, é hora de reavaliar a estratégia (isto é, se você tem uma, né?).

No post de hoje trouxe alguns dos elementos que eu considero bons motivos para que o seu conteúdo esteja sendo sumariamente ignorado na web. Quer saber quais são? Vem comigo!

1.   Não existe nada de novo em seu conteúdo

É um fato: sua audiência somente irá prestar atenção naquilo que você publica se o seu conteúdo trouxer uma versão melhorada daquilo que já existe, ou ainda, informações e dados novos que sejam relevantes para o seu público. Mais do mesmo, digamos, a internet já está cheia. Por isso, tanto os trabalhos da curadoria quanto do redator precisam estar focados na reinvenção.

Por mais que a grande maioria dos tópicos já tenham sido abordados, é importante ter um toque de originalidade, de aprimoramento. É preciso entregar valor, mesmo que esse valor seja uma nova perspectiva sobre um tema esgotado.

Uma ferramenta que me ajuda muito a reinventar a roda e entregar mais valor em termos de conteúdo é o Buzzsumo. Para quem não conhece, o Buzzsumo é uma ferramenta que permite você saber quais foram os sites ou blogs mais compartilhados sobre um determinado assunto. Basta digitar a palavra e em poucos minutos você tem uma noção do que estão falando mais sobre aquele tema na web.

O Buzzsumo me ajuda a aprimorar temas ou seguir para um caminho totalmente original, buscando falar o que ninguém ainda falou. Para quem escreve conteúdo digital e anda na dúvida se o seu conteúdo não está sendo mais do mesmo, vale a pena conferir.

2. Sua produção de conteúdo é baixa e irregular

Eu sempre brinco com meus clientes que o blog deles muitas vezes fará o papel de uma “banca de revistas”. Eu sou uma redatora antiga e me lembro que era muito fã de revistas Capricho na minha adolescência. Isso significava que, com uma certa periodicidade, eu me dirigia a uma banca próxima de casa para buscar a minha revista quinzenalmente.

Seu blog funciona da mesma maneira. Se você publica com uma certa regularidade e avisa seus leitores de que seu conteúdo chegou ali, fresquinho, a probabilidade de você ganhar a atenção é muito maior. Procure produzir com uma certa regularidade, publicando pelo menos uma vez por semana. Isso pode ajudá-lo na nada simples tarefa de chamar a atenção e também cativar o seu público.

3. Seu conteúdo não é agradável e adequado ao seu público

Conteúdo sem estratégia não é conteúdo. Ou seja, se você não sabe para quem você está falando e como dirigir a sua mensagem, provavelmente você não está conseguindo obter a atenção do seu público. Muitos redatores entram no mercado sem muito preparo na área de branding. Digo isso pois eu mesma comecei assim. Porém, com o tempo fui percebendo que se o meu texto não tem uma linguagem adequada ao meu público alvo, certamente o meu poder de comunicação, relacionamento e engajamento cai vertiginosamente. Para adequar a linguagem você precisa conhecer quem é a sua buyer persona, ou seja, aquela pessoa que se interessa e quer comprar seus produtos. Mais do que o público alvo, quando se fala de determinar tom de voz e adequar a linguagem e a temática você precisa saber com quem está falando.

4. Você está focado em palavras-chave e não em leitores

As palavras-chave são essenciais para o ranqueamento e ajudam o seu conteúdo a ser encontrado por quem está buscando por ele. Porém, elas não devem ser o foco. É preciso colocar atenção em uma produção de qualidade com ênfase na autoridade. Ou seja, novamente, vale a regra do “entregue valor ao seu leitor”.

Se você é produtor de conteúdo, encare algoritmos como bruxas. “Yo no creo en brujas, pero que las hay, las hay”. Na prática isso quer dizer que o SEO é sempre a segunda coisa a ser trabalhada no seu conteúdo. Depois de desenvolver a ideia focado na qualidade e na autoridade, aí sim, passamos a encaixar uma palavrinha aqui, outra acolá.

5. Seu conteúdo não tem imagens

Um dos elementos que traz atenção para o seu conteúdo são as imagens. Quando se trata de compartilhamento em redes sociais, ter uma imagem vinculada é praticamente obrigatório. Se estamos tratando de um conteúdo de entretenimento, os GIFs também são uma excelente estratégia para chamar a atenção e gerar interação.

O uso de infográficos, dependendo do tipo de conteúdo, também é um recurso que pode – e deve – ser explorado.

De toda forma, nada de buscar imagens do Google para ilustrar seus conteúdos. Você corre um sério riscos de ferir direitos autorais e até ser processado. Busque sempre os bancos de imagens gratuitos. Alguns bancos que utilizo e recomendo você pode checar aqui, aqui ou aqui.

6. Seu conteúdo é chato

Embora seu público esteja atrás de informação e dados, certamente ninguém está buscando um artigo acadêmico, com palavras chatas e conteúdo ininteligível. Seu conteúdo precisa ser fácil de ler, simples, precisa conquistar, envolver, enfim, ele precisa ser autêntico.

Para determinados públicos uma dose de humor vai muito bem, para outros utilizar o recurso de ser didático é uma ótima alternativa. Adapte-se sempre ao tom de voz, mas, acima de tudo, procure ser um conteúdo bacana.

Por fim, não custa lembrar: o trabalho de marketing de conteúdo, acima de tudo, é um trabalho de relacionamento que demora um certo tempo para trazer resultados. Porém, se o seu blog já tem lá uns seis meses e nada de comentários, compartilhamentos ou qualquer tipo de interação com a sua audiência, está na hora de rever esses pontos e até a sua estratégia.

Esse post foi útil para você? Seu conteúdo não anda gerando os resultados que você gostaria? Deixe seus comentários ai embaixo! Fala que eu te escuto! 🙂

8 comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *